Biblioteca Municipal do Barreiro assinalou 53º aniversário

Local Últimas C

As comemorações do 53º aniversário da Biblioteca Municipal do Barreiro culminaram com “Os Piores Contos do Mundo” e o “TOP Leitura”, no passado sábado, dia 7 de Janeiro, na presença de dezenas de pessoas.

A manhã iniciou com a sessão “Os Piores Contos do Mundo”, na qual dezenas de crianças e adultos divertiram-se com o humor do argentino, Rodolfo Castro.

Ao longo de uma hora, foram contadas várias histórias de autor, mas também da tradição oral e fruto do improviso e da relação espontânea com o público.

De referir que Rodolfo Castro, melhor conhecido como «O pior contador de histórias do mundo», nasceu e cresceu em Buenos Aires, formou-se no México e hoje vive em Lisboa. Em 1993, começou a contar histórias profissionalmente.

A Vice-Presidente Sofia Martins entregou os “Diplomas de melhor Leitor”, no âmbito do “TOP Leitura”, e prendas aos utilizadores da Biblioteca, que durante o ano de 2016 fizeram mais leituras, nas categorias infantil, juvenil, adulto e sénior:

Categoria Infantil: Joana Lourenço de Sena, 7 anos – nº leituras: 119;

Categoria Juvenil: Ana Margarida Belo Neto Baltazar, 12 anos – nº de leituras: 61;

Categoria Adulto: Ana Cristina Ruivo Figueiredo, 35 anos – nº de leituras: 81 (não esteve presente);

Categoria Sénior: Susete Antunes Almeida, 72 anos, nº de leituras: 59.

Na ocasião, Sofia Martins salientou as inúmeras actividades realizadas na Biblioteca, onde, sobretudo, as “crianças aprendem a descobrir o poder da história, a imaginação e o que isso traz de bom para a sua vida”.

Deixou um grande abraço a toda a equipa da Biblioteca “pelo que fazem, diariamente, em prol das populações”. Estendeu os agradecimentos a todos os escritores, poetas e artistas, que “nos ajudam a apimentar o nosso dia-a-dia, e às crianças que têm sido os grandes ocupantes desta ‘nossa casa’.

Deixe uma resposta