Golo solitário de Vasco Costa dita triunfo do Vitória frente ao Arouca na Taça da Liga

Desporto Últimas C

O Vitória ganhou hoje de tarde ao Arouca, por 1-0, em partida da segunda jornada do Grupo A da terceira fase da Taça da Liga realizada no Estádio do Bonfim. Com este resultado, os sadinos mantêm aceso o sonho de atingir a final-four da competição, agendada para o final do mês de Janeiro no Estádio do Algarve. O único golo do encontro foi apontado por Vasco Costa, aos 20 minutos.

As contas finais do grupo só serão conhecidas na próxima quarta-feira dia em que o Sporting, que só amanhã entra em acção na segunda jornada diante do Varzim, se desloca a Setúbal para medir forças com os sadinos.

Apesar das nove alterações promovidas no ‘onze’ por José Couceiro, em relação à partida do campeonato (3-0 ao Tondela), os sadinos entraram acutilantes no jogo. Logo aos dois minutos, Meyong falhou por centímetros um ‘chapéu’ ao guarda-redes Rui Sacramento.

De bola parada, o Vitória colocou-se na frente do marcador, aos 20 minutos. Vasco Costa, após canto na esquerda de Nuno Pinto, cabeceou com êxito para o golo dos anfitriões. Até ao intervalo, os sadinos não sentiram dificuldade em segurar a vantagem.

No segundo tempo, o Arouca entrou mais afoito criando imensos problemas aos vitorianos. Mais dinâmicos, os forasteiros, através de Walter González, acertaram no poste esquerdo da baliza de Trigueira, aos 55 minutos.

Volvido um minuto, foi a vez de Crivellaro ficar muito perto de festejar. Aos sadinos, valeu uma defesa atenta do guarda-redes dos setubalenses, que, aos 71 minutos, voltaram a evitar que Walter González fizesse o golo do empate.

Apesar das dificuldades que sentiram no segundo período, os sadinos, que não fizeram qualquer remate perigoso neste período, seguraram a vantagem, mantendo, para já, intactas as esperanças de apuramento para a fase final da prova.

Deixe uma resposta