Campeonato Nacional de Ornitologia estreia-se com sucesso em Santiago do Cacém

Local B Últimas B

Artur Cardoso, presidente do Clube Ornitológico do Litoral Alentejano, mostrou-se satisfeito com a adesão do público local – e nacional – à 70ª edição do campeonato, que se estreou em Santiago do Cacém

 

O Campeonato Nacional de Ornitologia, que juntou em Santiago do Cacém 42 stands, 371 criadores e expositores e 4250 aves entre os dias 15 e 18 deste mês, conquistou público “do país inteiro, desde o Algarve até Vila Real”, e em especial do concelho, apesar de a ornitologia ser “ainda desconhecida” para muitas pessoas, afirmou Artur Cardoso, presidente da Direcção do Clube Ornitológico do Litoral Alentejano (COLA).

“Tivemos um país inteiro aqui, desde o Algarve até Vila Real”, disse Artur Cardoso, fazendo um balanço “muito positivo” do Campeonato Nacional de Ornitologia que se realizou pela primeira vez em Santiago do Cacém, nos Pavilhões de Feiras e Exposições. “Foi a primeira vez que houve um evento destes aqui, o que para nós é bastante gratificante”, disse.

“Um campeonato nacional destes traz sempre muita gente de fora, mas, neste particular, superou-nos um pouco as expectativas, porque Santiago está um pouco afastado do mundo da ornitologia”, considerou o presidente da COLA, mostrando-se logo satisfeito por ter visto “muita gente do concelho a visitar o Campeonato Nacional”.

A grande adesão do público local e nacional foi também constatada pelo presidente Álvaro Beijinha, da Câmara Municipal de Santiago do Cacém, que esteve presente no certame “praticamente todos os dias” e em contacto com os expositores e visitantes.

Com um pavilhão, exposição e decoração “impecáveis”, nas palavras do presidente da Direcção do Clube Ornitológico do Litoral Alentejano Artur Cardoso, o Campeonato Nacional de Ornitologia sagrou-se como “um sucesso”.

A 70ª edição do certame foi organizada pelo COLA e pelos clubes ornitológicos de Setúbal e Beja, sob a égide da Federação Portuguesa de Ornitologia.

Deixe uma resposta